Sociocracia & Complexidade (Vicente Góes e Cacá Rhenius)


Get Access

Accessing this conference video requires that you sign up. Click ‘Get Access’ to sign up.

If you have already signed up or attended the conference and you do not see the video, the best way to get access is to login to your account. If you still do not see the video, please contact [email protected] and we’ll get you sorted out!

Presenter Information

 

Caracterizamos a complexidade como um contexto sistêmico não suscetível à atitude de comando e controle, mas sensível à experiência iterativa. Complexidade é a situação que pede que nossa percepção se acomode a novos termos emergentes. A sociocracia é uma forma de organizar um sistema de pessoas para que emerjam tensões que expressam a inteligência de sua complexidade. Outras propriedades da complexidade são a contradição, a não-linearidade, a incerteza, a relação parte-Todo. Pensar e agir de forma complexa, não se resume a pensar para agir, apenas a partir da razão prática. Em um mundo com tamanha diversidade e em situações de crise, é crucial aprendermos com nossa plasticidade, colocando-a em ressonância com a situação. Complexo não é apenas uma grande variedade de implicações em movimento, mas, por isso mesmo, se trata exatamente da vida como fenômeno experiencial. Ou seja, a complexidade em um contexto real, cotidiano, vivido de forma compartilhada, ela se traduz em relações humanas, em linguagens, em sentido. Ao estruturar de forma perenemente flexível uma resposta adaptativa às experiências relacionais e aos sentidos compartilhados, a sociocracia age como um facilitador da complexidade.

Vicente Góes é psicólogo (PUC-SP) e consultor organizacional, membro do Centro de Educação Transdisciplinar (CETRANS), doutorando em Prática Transdisciplinar pela University of Middlesex (Reiuno Unido). Atualmente se dedica à psicoterapia individual e a estruturar projetos de aprendizagem e mudança organizacional pautados na transdisciplinaridade, perspectiva de conhecimento que pesquisa há 12 anos, também dá aula no Mestrado Profissional de Sustentabilidade da FGV-SP. Tem experiência com educação infantil escolar e desescolar, comunidades de aprendizagem, ONGs, empresas e coletivos. “Ao invés de nos perguntarmos que conhecimentos precisamos ter, poderíamos nos perguntar que conhecimentos somos.

Olá, sou Cacá Rhenius, quero viver num mundo mais colaborativo e amoroso, por isso, dedico-me a criar uma cultura de regeneração por meio de processos de aprendizagem criativos para o desenvolvimento humano, organizacional e comunitário. Empreendedora em rede, criadora do Caórdico Aprendizagem e da Comunidade de aprendizagem autodirigida Caórdica, pesquisadora em tecnologias sociais, consultora em cultura de aprendizagem, mãe, facilitadora de aprendizagem, anfitriã de conversas, mentora e consteladora sistêmica. Plurimestra na Pluriversidade. Historiadora, tecnóloga em processos gerenciais, especialista em Gestão Estratégica de Pessoas. Mestre informal no MOL (Master of learning) em aprendizagem autodirigida. Experiência em grandes redes de franquias como Hering e Imaginarium nas áreas de negócios, como expansão, consultoria de campo e aprendizagem organizacional.

Explore Sociocracy for All!

Training Programs

Get training for yourself or your team.
SoFA offers the complete range of training offerings, from beginners, facilitation, training of trainers and certification.

Help share this with the world!

Sociocracy for All is a 501c3 nonprofit based out of Massachusetts.

We aim to change the way the world makes decisions together!

We provide resources for learning and sharing effective egalitarian self governance (Sociocracy!) to the world!

Find out more about
SoFA Membership

Sociocracy for All his a growing global community with working circles in many languages!

Working Members commit to participating in SoFA’s Circles and actively help share the practice with the world and receive a host of benefits including resources and members development!

Supporting Members also receive some benefits of Working Members like participation in Communities of Practice, participation in members forums but don’t have a working commitment.

0 Shares
Share
Tweet
Share